size_960_16_9_shopping-aliansce-belem

General Shopping sai de lucro para prejuízo líquido de R$ 72,9 milhões

Por Valor | Valor SÃO PAULO – A General Shopping registrou prejuízo líquido de R$ 72,9 milhões no segundo trimestre de 2017, depois de ter apurado um lucro líquido de […]

20141022103546_banco-pine-3

Prejuízo do Banco Pine aumenta três vezes no segundo trimestre

Por Toni Sciarretta | Valor SÃO PAULO – O Banco Pine registrou prejuízo líquido de R$ 21,333 milhões no segundo trimestre, resultado três vezes superior ao prejuízo líquido de R$ […]

lojas-marisa-trabalhe-conosco

Marisa espera recuperação tímida

Por Cibelle Bouças | De São Paulo Marcelo Araujo, presidente da Marisa: “cenário não está muito animador” Depois de apresentar piora nas vendas no segundo trimestre do ano, a Marisa […]

Carrefour_Aubervilliers__Paris__14_

Carrefour paga R$ 2,4 Bi em dívida e injeta R$ 1,2 Bi em empresa

Por Por Adriana Mattos | De São Paulo O Carrefour já usou R$ 2,37 bilhões da oferta primária de ações, de quase R$ 3 bilhões (excluindo comissões e despesas), ou […]

brf-rr-26

BRF voltou a registrar prejuízo no segundo trimestre

Por Luiz Henrique Mendes | De São Paulo Pelo terceiro trimestre consecutivo, a BRF ficou no vermelho. Donas das marcas Sadia e Perdigão, a empresa reportou ontem um prejuízo líquido […]

8b35d755de950f1b46a617d0578f38d6_XL

Varejo de moda prevê aumento de vendas

Por Cibelle Bouças | De São Paulo Redes varejistas de moda apresentaram, de modo geral, melhora no desempenho do segundo trimestre devido a um início de recuperação do consumo e, […]

banco-daycoval

Daycoval vê melhora do crédito no 2º semestre

Por Vinícius Pinheiro | De São Paulo Com a melhora dos indicadores de confiança da economia e a queda dos juros, a demanda por crédito deve começar a reagir no […]

biosev_editada2_web

Prejuízo da Biosev cresceu 63%

Por Camila Souza Ramos | De São Paulo A sucroalcooleira Biosev, controlada pela francesa Louis Dreyfus Company, teve um prejuízo líquido de R$ 577 milhões no primeiro trimestre da safra […]

size_960_16_9_m_dias

M.Dias Branco avança em plano de parque fabril

Por Cibelle Bouças | De São Paulo A M. Dias Branco, fabricante de massas e biscoitos dona de marcas como Adria, Vitarella e Fortaleza, informou que espera começar ainda neste […]

Restoque1

Restoque fecha 26 lojas e 2 fábricas

Por Cibelle Bouças | De São Paulo Plano de corte de despesas continua neste semestre, segundo comando do grupo, que agora tem 301 pontos de venda A Restoque, dona de […]

04/07/2017

Arezzo cresce e pode superar meta de novas lojas no ano

arezzo

Por Cibelle Bouças | De São Paulo

Birman, da Arezzo & Co: desempenho no 1º semestre foi favorecido por inaugurações e pela boa aceitação das coleções

A Arezzo & Co, dona das marcas Arezzo, Anacapri, Schutz, Alexandre Birman e Fiever, tem conseguido manter o ritmo de crescimento e prevê ultrapassar a meta de abertura de lojas neste ano – estipulada entre 25 e 30 unidades -, aproveitando o momento favorável para suas marcas.

“A Arezzo manteve um crescimento entre um dígito simples alto e dois dígitos baixos nos últimos dois anos, mesmo no pior momento da crise. As tendências do mercado de moda e nossa capacidade de acompanhar essas tendências têm exercido um impacto muito mais forte no negócio do que a crise política”, afirmou Alexandre Birman, presidente da Arezzo.

Birman acrescentou que o desempenho de vendas da companhia na primeira metade do ano foi favorecido pela abertura de lojas e pela boa aceitação das coleções lançadas. A Arezzo adota o modelo de moda rápida, com o lançamento de 15 a 16 coleções por ano e reposição de produtos nas lojas a cada 15 ou 20 dias.

No primeiro trimestre, a Arezzo teve um crescimento de 15,4% na receita líquida, para R$ 297,18 milhões. O lucro líquido avançou 51,1%, para R$ 22,17 milhões. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) aumentou 36,8%, para R$ 36,03 milhões. Boa parte desse aumento veio da abertura de lojas e da expansão dos negócios no comércio eletrônico.

O grupo teve uma abertura líquida de 19 lojas nos três primeiros meses do ano, em comparação com igual período de 2016, encerrando março com 562 unidades, sendo 48 próprias e 514 franquias. No segundo trimestre, a companhia abriu oito lojas da Anacapri, incluindo uma na rua Oscar Freire, na capital paulista, chegando a 88 unidades. “No ritmo de expansão atual, a Anacapri vai ultrapassar 100 lojas neste ano, certamente”, afirmou Birman.

Já a marca Arezzo manteve estável seu número de lojas – no fim do primeiro trimestre eram 381 unidades. A companhia desenvolve um modelo de franquia mais barata, com pontos menores, para cidades de pequeno porte. O projeto terá a primeira unidade piloto aberta em agosto. Birman disse que essas lojas terão faturamento anual entre R$ 90 mil e R$ 150 mil. As lojas tradicionais faturam, em média, R$ 220 mil por ano.

“É uma tentativa de continuar crescendo com franquias. A marca Arezzo já está presente nos maiores shopping centers e centros urbanos do país”, acrescentou.

O grupo abre em agosto a quarta loja da marca Alexandre Birman no país – a unidade será instalada no Rio de Janeiro. No segundo trimestre, a Arezzo abriu um showroom da Alexandre Birman e da marca Schutz nos Estados Unidos, em Nova York.

Birman considera que o negócio fora do Brasil tem maior potencial de crescimento. “A expectativa para a operação nos EUA é obter um faturamento de pelo menos US$ 25 milhões”, afirmou.

Para a marca Schutz, a Arezzo vê espaço para abertura de 4 a 5 lojas no ano. Em relação à Fiever, o grupo abriu duas unidades em São Paulo, chegando a quatro em operação. E ampliou sua distribuição nas lojas multimarcas, de 200 para 350 pontos de venda.

“As redes multimarcas voltaram a crescer neste ano”, disse Birman. Em 2016, a distribuição da Arezzo para esse canal de venda caiu 0,5%, para R$ 303,7 milhões. O faturamento total da companhia avançou 8,3%, para R$ 1,55 bilhão.

Via: Folha de São Paulo — Clipping de notícias de Leônidas Herndl, com informações do país e do mundo, além de finanças, economia e demais temas pertinentes.
< Voltar ao início

contato@leonidasherndl.com.br

© 2014 - Todos os direitos reservados - Leonidas Herndl

Goodae